Doramas Entretenimento K-Drama
/

The Player – K-Drama

E o post de hoje é sobre um drama que terminou recentemente e eu vi pouquíssimas pessoas comentando sobre ele. Talvez o gênero não agrade todo mundo, talvez por não ter romance… Talvez. Só sei que foi um dos dramas atuais que mais gostei de acompanhar.

The Player é um drama sobre vigaristas se unindo para pegar criminosos corruptos que a polícia coreana não consegue sozinha (🙄 novidade! hahah brincadeiras a parte. Só digo isso porque dorameiros estão calejados de saber que pelo menos nos dramas, a polícia é sempre lerda). O roteiro é bem desenvolvido misturando a temática principal com vinganças pessoais dos personagens, mas o mais interessante de acompanhar mesmo foi a união e companheirismo que se formam nessa equipe de jogadores que não estão nem aí para o que vai acontecer com eles desde que seus objetivos sejam concluídos.

Amo uma família. 💛

 

The Player
플레이어
Episódios: 14 | Emissora: OCN | Ano: 2018

Sinopse: Uma equipe formada pela polícia, consistindo de um vigarista, um lutador, um hacker de elite e uma motorista talentosa, é solicitada a recuperar propriedades escondidas por criminosos.

Por mais que essa sinopse seja bem vaga, assim como a maioria, preciso dizer que o drama não é só isso, não é “um bando de vigaristas tentando pegar outros bandidos” mas ao mesmo tempo é. Se você assistiu Mad Dog ou Squad 38, é uma boa pedida, já que eles tem elementos muito parecidos. Como por exemplo o fato de serem vigaristas/bandidos lutando contra o crime e o tom divertido mas intenso da narrativa.

Bom, se você gosta de histórias muito geniais e imprevisíveis, talvez The Player não chegue nesse nível, mas certamente é um drama que vale a pena ser assistido. A trama é uma emocionante montanha russa de acontecimentos, o que nos faz ficar presos pelos inúmeros cliffhangers e ansiando por mais episódios, não só pelo assunto principal que é a captura dos corruptos na política e justiça mas também pela história de pano de fundo dos personagens. Vou apresentar os personagens brevemente para não dar spoilers.

Jang In Gyoo (Kim Won Hae) é um dos poucos promotores honestos que ainda existem. Ele está investigando casos de crime e corrupção, no meio da promotoria e política, mas não tem acesso as informações e não conseguirá solucionar o caso, se seguir a risca essa lei que é falha. Então resolve criar um grupo de pessoas para ajudá-lo “por baixo dos panos”, ele recruta pessoas habilidosas e que tem lidado com situações parecidas só que no mundo do crime. Geralmente esse ator faz personagens secundários ou engraçados e nesse ele é sério e centrado, gosto dessa variedade e de vê-lo nesse tipo de papel. O personagem é um pouco frustrante no começo, mas assim como outros que falarei a seguir, vai nos conquistando aos pouquinhos. Promotor Jang, o senhor é um homem admirável!

Um deles é Kang Ha Ri (Song Seung Heon), o “líder” do grupo. Ele é inteligente, estrategista e bom de briga. Seu personagem é misterioso, e a história por trás desse “mero vigarista” é bem interessante e uma das coisas que mais me chamaram atenção. Queria entender os motivos dele seguir a vida que tem atualmente sendo tão inteligente e aparentemente um entendedor das leis e promotoria. Aos poucos fui ficando cada vez mais envolvida em sua história e seu relacionamento com os demais. Ele trata sua equipe com preocupação e cuidado apesar de seus objetivos serem prioridade. Ha Ri sempre dava um jeitinho de cuidar bem da equipe e se sair muito bem em “suas missões”. As vezes eu ficava preocupada que sua vingança se tornasse maior do que seu bom caráter, mas Ha Ri não estava mesmo se importando com o seu fim, ele só precisava alcançar aquilo que queria e colocar as coisas no lugar.

Sobre sua atuação, eu só tenho uma coisa a dizer: que atorzão! E agora vou ser muito fangirl, já peço desculpas, mas que homem é esse minha gente? Song Seung Heon não podia nem se mexer que eu já estava 😍.

Temos também Im Byung Min (Lee Shi Eon) que é um dos melhores hackers da Coreia, ele topa participar da equipe assim que descobre sobre o dinheiro que pode ganhar com isso. É um personagem divertido (as vezes irritante haha) mas que sem ele a equipe não seria a mesma. Do Jin Woong (Tae Won Seok) esse cara grandão parece uma criança as vezes haha. Adorava que ele é todo durão mas ao mesmo tempo uma fofura de pessoa. Pode mexer com ele, mas não venha mexer com a família ou amigos!

Ambos entraram na “brincadeira” por dinheiro e acabaram envolvidos com acontecimentos que se relacionavam com sua vida pessoal e essa conexão foi bem desenvolvida pelo roteiro, gostei muito.

E por último: Cha Ah Ryung (Krystal), minha personagem favorita do drama. Ah Ryung começa na história como uma motorista talentosa e parecia que seria só isso, mas a personagem só cresce a cada episódio. Ela é forte, teve que se virar por conta própria desde cedo, por isso se envolveu com coisas que se arrepende. Ah Ryung tem bom coração mas não tem família e amigos e acho que por isso me emocionei tanto com a nova família que ela encontra, mesmo ela negando com aquele jeitinho dela.

Krystal é maravilhosa e eu tenho mais certeza disso a cada drama novo que vejo com ela. OCN pelo visto gostou dela também lá em Prison Playbook e agora em Player. Ei, OCN pode dar mais papéis pra ela em seus dramas que a gente gosta sim, viu!? 💖

E esse é mais um drama que os vilões são fracos. Eu sinto saudade de vilões que você surta ou de muito ódio, ou de amor, ou dos dois junto. Nesse foram somente razoáveis. Maaaas, tudo bem. Valeu por outros motivos.

Os dois primeiros episódios nos faz acreditar que a trama será só um bando de loucos correndo atrás de outros bandidos por dinheiro, mas com o passar dos episódios nos traz surpresas e desdobramentos ainda mais interessantes. Podemos acompanhar então as verdadeiras intenções de cada um dos personagens. E gostei muito pelo fato do drama não tentar “suavizar” o caráter deles, não os fazendo serem heróis e sim seres humanos cheios de problemas, mas que mesmo assim podem nos cativar. E você vai entender melhor isso ao assistir o drama.

O roteiro trabalha com aquele tom cômico que adoro em tramas de ação, principalmente nessas que envolvem personagens tão distintos e com características fortes pois deixam a trama mais “fácil” de assistir, não é algo para você se matar criando mil teorias ou morrer de preocupação, mas é simplesmente se entreter com os episódios e apreciar uma boa história de vingança e união (olha esse contraste 💛). O elenco é ótimo em suas atuações e ainda tiveram uma química incrível entre eles, formando uma família LINDA que eu adorava conhecer mais e mais. ❤

Assim como em Mad Dog e Squad 38, que são os dramas que relacionei com Player lá no começo do post, é essa família sendo formada pelos personagens que me cativa tanto num drama que não era pra ser fofo ou bonitinho. Ou sou romântica demais ou o drama explorou muito bem esse lado emotivo mesmo. Só sei que amo.

E na minha opinião, esse é o ponto pelo qual mais gostei do drama e é por causa apelo emotivo e essa família que recomendo.  Não pela ação ou a temática principal, mas sim pelo relacionamento dos personagens, sua química impecável, suas histórias entrelaçadas em certo ponto das suas vidas e todo o carinho e companheirismo que foi crescendo junto com a trama. Essa temática de amizade verdadeira e sincera entre eles fica clara até na OST, que vou colocar no fim do post.

Se você é daqueles que está se perguntando se o drama tem romance: não. Não tem romance. Pode até ter ship, mas fica só nas nossas cabeças mesmo. Eu nem ia colocar foto, mas não vou sofrer sozinha não. Desculpa. 😍

Por fim, gosto muito dos dramas da OCN por ter uma ótima produção, cinematografia e OSTs sempre muito boas, no caso de The Player minha favorita é Player do Dok2 e Jansil (do Mad Soul Child) e recomendo ver o vídeo dela que coloquei aqui embaixo por ter cenas ótimas do drama. Tem a playlist no Spotify.

 

“Se você perder o seu tudo
Pense que você não pode voltar no tempo
E lembre-se que não é sua culpa
No final, eu estarei com você…”

“..Apenas saiba que estou aqui com você
Nós vamos juntos 
Vamos lutar ao máximo…”

💛

Mas não é uma preciosidade essa letra gente?! Combina tanto com essa família! ❤

 

 

Fotos dos bastidores porque sim. 🙂

Onde assistir?

Tem legendado no Kingdom Fansub.

 

 

E vocês já assistiram?

Ah, estou preparando umas surpresinhas pra esse fim de ano, fiquem atentos que falo em breve. 

Beijos, Mari. 😘

 

Compartilhe ♥

1 comentário em “The Player – K-Drama

  1. Pois Mari, adorei o post. Ainda tenho que terminar esse drama, não sei se vc sentiu isso mas depois de uns episódios ele me deu uma desanimada. E depois ainda descobri Heart Surgeons ( que por sinal ninguém tá falando sobre ele e isso me deixa perplexa). Enfim, adoro o blog e anciosa por mais post no futuro! @_@

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *