Entretenimento K-Music Mini Drama
/

DAY6 – Talento, música boa e mini dramas

E hoje venho neste post fazer uma resenha de um mini drama, que não foi lançado por uma emissora e sim por uma banda. Isso mesmo, uma banda! Posso parecer louca pra você nesse momento (desculpa, talvez eu seja mesmo). Eu não costumo falar muito sobre música por aqui, quem gosta de falar sobre isso é a Bel, apesar de eu ter meus surtos no twitter, mas resolvi fazer esse post porque necessitava expressar o quanto sinto orgulho e admiro o trabalho desses meninos e também porque DAY6 realmente produziu MVs com histórias que se completavam em outros MVs. E é tão dorama, tão bonitinho e com alguns momentos tão sofridos. Ah, e a OST eu garanto que é perfeita, claro. 😏

Antes de continuar, vamos falar um pouquinho sobre eles. Fiz um post sobre DAY6 aqui no blog logo no comecinho da carreira deles, quando debutaram com o MV de Congratulations. Depois disso, muita coisa já aconteceu com a banda e de lá pra cá eles só vem crescendo a cada dia mais. Se eu estou orgulhosa? Vocês não fazem ideia do tanto de amor que tem em mim por eles.

Os integrantes da banda são: Sungjin, Jae, Young K, Wonpil e Dowoon (no início da carreira também tinha o Jun Hyeok, mas ele saiu da banda, infelizmente. O motivo foi um namoro do qual a JYP não permitia, houve envolvimento de fãs e a empresa sendo rigorosa nessa questão resolveu o tirar da banda mesmo. Bom, coisas que não valem a pena serem citadas aqui. Hoje em dia o fofinho do Jun Hyeok está muito bem em seu trabalho solo na Coreia e no Japão).

Depois de 6 meses do lançamento de Congratulations, DAY6 voltou com o MV de Letting Go (놓아 놓아 놓아) e o mini álbum, o DAYDREAM. Então ficamos sem notícias da banda o resto do ano de 2016 até que no finalzinho de dezembro, DAY6 apareceu com a melhor notícia que poderíamos ter: o comeback da banda já estava marcado e seria todo dia 6 no ano de 2017. Isso mesmo, ia ter DAY6 todo mês! O projeto para 2017 era o EveryDAY6 e consistia na banda lançar duas músicas sendo uma delas com MV todo dia 6. A felicidade era tanta que a gente não se aguentava, afinal até o momento DAY6 tinha pouquíssimas músicas e a gente vivia repetindo elas e os muitos covers que eles faziam em programas de rádio (e aliás são covers lindos que amo demais e tem uma playlist com eles no Youtube).

Com o MV de Congratulations eu já tinha pensando “poxa que história bonitinha, isso daria um bom dorama”. Mas sem esperarmos nada, DAY6 lançou o segundo MV do EveryDAY6 como uma “continuação”, mais um paralelo na verdade, pra essa história. Isso foi uma surpresa enorme, pensa na empolgação dos fãs. Pensa no meu surto como dorameira e My Day (nome do fandom do DAY6).


O primeiro mini drama: Congratulations + You Were Beautiful

O primeiro mini drama do DAY6 é sobre um casal que terminou o relacionamento e se encontram depois de um tempo. Congratulations começa com um homem sozinho no metrô quando entra um casal e ele olha percebe que a mulher é sua ex-namorada, mas ela está sorrindo e aparentemente vivendo muito bem com seu novo namorado. A música e o MV falam sobre a indignação do moço, como ele ainda está abalado com o término e tentando superar enquanto ela já está feliz como se nada tivesse acontecido. Enquanto isso algumas lembranças do casal vão passando. Eles juntos, felizes, brincando…

“Parabéns, você é inacreditável
Parabéns, como você pôde fazer isso?
Como se nada tivesse acontecido
Você quebrou meu coração
Seu rosto sorridente mostra que você já me esqueceu”

Assistindo esse MV dá uma dó do protagonista, parece que a moça realmente terminou com ele pra ficar com outro e que não estava nem aí pro relacionamento, maaaas aí vem a parte mais interessante desse mini drama que é quando You’re Beautiful é lançada e nos mostra uma visão diferente da situação.

Enquanto Congratulations mostra a visão dele, em You Were Beautiful vemos a perspectiva dela nessa história que achávamos que sabíamos de tudo. O MV começa com ela abrindo um e-mail com título “Você era bonita”. No e-mail tem vários vídeos dela quando ainda namorava o protagonista. Ela sorria, brincava, estava radiante. Mas aí também vemos a expressão dela ao olhar para esses vídeos, ela claramente estava grata e feliz de relembrar esses momentos, que parecem ter sido tão especiais para ela. Na minha opinião, ela tinha um brilho no olhar que dizia que ela não tinha rancor de nada, mas que tudo aquilo que eles viveram valei a pena.

“Você era bonita
As lágrimas que você me mostrou
Os momentos que tive com você
Tudo isso, tudo isso
Já passou, mas
Você era tão linda”

Conforme ela vai assistindo aos vídeos, as memórias vão aparecendo e muitas, iguais as que o protagonista teve em Congratulations. Mas aí chega a parte triste, em que ela também lembra do término, como ela não estava mais feliz no relacionamento e o quanto tudo aquilo foi doloroso. O relacionamento não foi só de bons momentos. O mais interessante em tudo isso é ver a versão dos dois, embora não seja possível entender o motivo do término de fato, podemos ver que ela não foi insensível como aparenta no primeiro MV e que em um relacionamento, tem sempre dois lados da história. E a letra da música também reflete uma nova visão do protagonista, o momento da raiva passou (em Congratulations), agora ele só quer que ela saiba que pra ele, ela era bonita e os momentos que passaram juntos foram marcantes para ele também.

É uma história tristinha, mas linda! ❤

Pra quem está curioso, os atores são: Choi Woo Shik (de Ho Goo’s LoveThe Package e Rooftop Prince) e Jang Hee Ryung (ela particpou de Uncontrollably Fond, Individualist Ms. Ji Young, Wok of Love e estará em Priest) e eu fiquei desejando um drama (drama mesmo, mini não) com esses dois.

 

Segundo mini drama: What Can I Do + I Loved You + When You Love Someone + especial

O mini drama agora é colegial. Colegial minha gente! E neste os personagens masculinos não são atores, mas sim os próprios integrantes do DAY6, o que pra nós é ainda melhor e eu realmente acho que alguns deles tem talento pra isso, principalmente o Dowoon!

O primeiro episódio é no MV de What Can I Do (좋은걸 뭐 어떡해), que conta a história de seis estudantes estudantes. A protagonista é uma estudante alegre, aparentemente sociável e muito bonita. O melhor amigo dela é o Jae, que é aquele nerdzinho, fofo demais. 😍 Dowoon é um garoto popular entre as garotas e que na verdade não está nem aí pra ninguém. Não que ele seja rude, mas ele realmente não se importa com absolutamente nada ao seu redor.

Sungjin  é aquele estudante normal, que não se destaca muito, é bonzinho e  conforme vamos conhecendo também ficamos mais encantadas. Ele tem uma paixãozinha secreta pela protagonista, aquela menina bonita que mencionei (e o medo dele ser o secundário já dá um frio na barriga, porque qualquer um desses cinco personagens que for secundário eu choraria, mas né…). Wonpil é o melhor amigo do Sungjin, mas não sabemos muito sobre ele, apenas o fato de que o Sungjin ter crush por alguém o incomoda por algum motivo desconhecido até então.

Young K é um aluno aleatório e revoltado, provavelmente seria aqueles vilãozinhos de drama escolar, que o pai é CEO de alguma empresa que financia a escola e então ele age como quer, trata as pessoas de qualquer jeito e não usa o uniforme do jeito certo. (hihi, me empolguei aqui)

Confuso? Fica ainda mais quando assistimos o MV todo e descobrimos uns crushes meio complicados ao longo da história. O Jae parecia gostar dela,. Ela parecia gostar do Jae e do Sungjin, mas O QUE? Sungjin já sabemos. O Wonpil gosta do Sungjin? E o Dowoon é o diferentão da história que não gosta de ninguém.

O final do MV acabou comigo. Sério. 💔 Eu fiquei triste pra caramba com a carinha do Sungjin notando um certo sentimento. AAAAAA. 😢

A música (ops, trilha sonora, perdão) é sobre alguém apaixonado se queixando que se apaixonou mas não tem o que fazer, mesmo que o seu crush seja mau com ele.

O que eu posso fazer?
Eu já me apaixonei por você
Você brinca comigo
Mas eu gosto disso
Esse sou eu

Segue o MV:

O segundo episódio é no MV de I Loved You, com os mesmos personagens ainda na escola. Alguns relacionamentos parecem ter evoluído um pouco. A protagonista e o Young K estão discutindo mais do que nunca e nós já sabemos que isso pode significar paixonite, né? Jae aparentemente curte um noona romance. (Gente! Noona romance num MV do DAY6 eu sou a dorameira mais feliz! hahaha 😅)

Enquanto isso Young K está vestido de jovem gangaster de dorama e ele e Dowoon começam um relacionamento bonitinho e engraçado. Dowoon melhor pessoa dessa história, sério! Olha o bromance pra deixar a dorameira ainda mais feliz. 😏

Mas para acompanhar o tom emotivo da trilha sonora que diz “sinceramente eu amei você, eu quero te odiar mas não consigo, então eu te odeio ainda mais” voltamos na história do Sungjin e Wonpil que ainda parece intrigado com o fato do seu melhor amigo estar apaixonado, mas ainda assim não é amigo cobra não. Gostei da atitude dele, senti que ele apoia, mas fica triste por algum motivo, ainda não descobri se é crush no Sungjin ou se é simplesmente uma preocupação de amigo.

Sungjin toma uma atitude corajosa, aquela que é típica de fim de episódio. E realmente acaba aí.
Sungjin foi atrás dela, e agora?!
Sungjin correndo, Wonpil com carinha de cachorro abandonado e uma protagonista sortuda prestes a receber uma declaração. Será?

Segue o MV 2:

Próximo episódio pelo amor de Deus!

O terceiro episódio é no MV de When you love someone (그렇더라고요), onde os personagens continuam os mesmo, mas não estão mais no ambiente escolar. Provavelmente se formaram e estão indo para a faculdade.

Parece que descobrimos um novo herdeiro rico na trama: Dowoon, que continua solitário e gostando de leite de banana. Wonpil e Sungjin continuam amigos e vão montar uma dupla de sertaneja. (brincadeira!)

Jae e a protagonista serão amigos eternamente é isso? Aww, que fofos! Mas Jae encantado com a moça da cafeteria é mais fofo ainda.😍 Ele sorrindo daquele jeito apaixonado, não me aguento.

Young K deve ter sido deserdado, agora ele trabalha numa loja de conveniência e o seu chefe é um idiota (tá vendo menino, o mundo dá voltas) que o trata mal. E nesse momento que ele tá de saco cheio da vida, acaba enxergando a garota que estudou com ele com outros olhos. O QUE? Será que o ship vai mesmo dar certo?! E por que Young K ficou tão bebê de repente? 😍

E quando menos esperamos, Sungjin vê tudo. O roteiro volta no tempo. Calma. Respira. Voltamos na cena em que Sungjin vai se declarar para menina quando eles tava na época da escola. Vou deixar aqui a tradução do diálogo:

Sungjin: Eu tenho algo para te dizer. Eu gosto muito de você.
Protagonista: Eu…
Sungjin: Tudo bem, não estou esperando uma resposta. É só que eu não queria me arrepender por não ter dito isso. Vá pra casa em segurança.

Eu fiquei arrasada! 😢💔 Ele sorriu, mas quando virou as costas parecia que ia desmaiar. Por que essa história tinha que ser tão sofrida?!

E bom, o episódio final é esse e termina lindamente apesar de tudo. Wonpil agora é meu personagem favorito do mini drama, que lindo ele no final. Seu olhar, na minha opinião, representou preocupação com o amigo, e um certo alívio por ele estar bem e já que ele entregou o chaveiro ao Sungjin, parecia que ele tinha superado as coisas. Essa cena final combinou muito com a música que diz:

“Eu quero chorar por você
Eu prefiro me machucar em vez de você
Eu não quero nenhuma cicatriz no seu coração
Nunca mais

Quando você ama alguém
Tanto que transborda
Isso é tão incrível
Porque é assim que é”

E ain, que lindo! Eu veria mais um monte de episódios, principalmente se a trilha sonora for boa assim. O mini drama foi tão bom que teve até um episódio especial no MV de All Alone(혼자야) com cenas dos outros episódios, melhores momentos e nossos meninos cantando que estão sozinhos debaixo de um céu estrelado. Fofo.

Ah, a atriz desses MVs é a Kim Ji Eun.

Se você gostou das historinhas, tem mais um MV em que a história é fofa e bonita mas não é continuação de nada. É o MV de I Like You lançado em dezembro do ano passado como último do projeto EveryDAY6. E a música é MUITO, MUITO BOA!

E se você gostou de tudo que viu até agora e quer mais obras de arte da banda, esse ano DAY6 fez comeback em junho com o album Shoot Me : Youth Part 1 (que assim como tudo que faz, é excelente) o MV Shoot Me que eu recomendo demais! Na verdade recomendo a discografia completa da banda, que não tem música ruim, inclusive as japonesas que tem uma pegada ainda mais rock’n’roll. Estão todas no Spotify. E tem também o canal no Youtube com todos os MVs e outros vídeos de conteúdo da banda.

Vou parando por aqui, espero que tenham gostado dos mini dramas envolvidos nos MVs do DAY6. haha

Beijos, Mari. 😘

Compartilhe ♥

1 comentário em “DAY6 – Talento, música boa e mini dramas

  1. Eu já gostava bastante de algumas músicas do Day6 antes desse post, mas depois de lê-lo acho que fiquei apaixonada por eles! Estou vendo o MV de “I Smile” agora e o olhar do Sungjin me fez ficar hipnotizada hahaha Todos são maravilhosos, muito talentosos e a voz dos vocalistas também são incríveis!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *