Doramas Entretenimento K-Drama
/

The Secret Life Of My Secretary (I Loved You From The Beginning) – K-Drama

Antes de começar a falar desse drama, vou atualizar vocês um pouco sobre minha vida dorameira e os conteúdos do blog nas redes sociais pra quem não nos acompanha ainda por lá. Como a vida real está muito corrida, tenho visto poucos dramas ultimamente, mas fazendo o máximo para vir aqui falar deles mesmo assim. Por isso, não desistam de mim. ♥

Pra quem não viu, eu fiz uma maratona do drama clássico My Name Is Kim Sam Soon, e eu realmente adorei! Por que eu não vi antes? O drama é de 2005, e a protagonista é muito maravilhosa para uma personagem de dorama coreano “dessa época” e até pra 2019. Recomendo. Recentemente também entrei numa vibe de c-dramas e j-dramas, o que acho ótimo, algo que não fazia há muito tempo. Então vai ter resenha desses logo logo também.

E por mais que eu demore um pouco pra postar aqui no blog, estou sempre colocando as novidades sobre os lançamentos de dramas e filmes lá no Twitter do LoveCode. Se quiser ficar por dentro, é só seguir lá. Também posto essas novidades nos stories do Instagram.

Também atualizei a thread de frases lá no Twitter. Clica aqui para ver a thread todinha, e vocês também podem sugerir algumas frases pra colocar lá.

E sim, eu sei que tem vários dramas que terminaram antes The Secret Life Of My Secretary e que eu deveria fazer resenha, mas acabei passando esse na frente por ter sido um dos meus xodózinhos dos últimos dias. Mas não se preocupe que trago as resenhas dos outros em breve, talvez não tão breve assim, mas vai ter. 🙂


Agora vamos logo falar sobre o drama desse post: The Secret Life Of My Secretary.

Desde os primeiros episódios, The Secret Life Of My Secretary não passava de um clichêzinho para mim, mas em certo ponto da trama as coisas começaram a ficar mais interessantes e eu muito muito mais envolvida na história. Não é um drama diferentão, não tem muita profundidade como gosto, mas garanto que se você começar o drama sem esperar mais que um clichê bobinho pode se divertir muito mesmo assim.


The Secret Life Of My Secretary
(I Loved You From The Beginning)
초면에 사랑합니다
Episódios: 32 | Emissora: SBS | Ano: 2019

Sinopse: Do Min Ik trabalha como diretor da equipe de mídia móvel 1 da T&T. Ele é inteligente e excelente em seu trabalho. Sua secretária é Jung Gal Hee. Do Min Ik costuma fazer coisas infantis, como mandá-la realizar tarefas desnecessárias, mas Jung Gal Hee faz tudo sem queixas. Ela parece ser tranquila, mas esconde seu lado duro.
Depois de perder sua visão, Do Min Ik começa a encontrar sua verdadeira identidade e, no processo, aprende a respeitar as pessoas ao seu redor, incluindo Jung Gal Hee.

The Secret Life of My Secretary não tem um roteiro extraordinário, não tem plot twists bombásticos e é completamente cheio dos clichês presentes das comédias românticas sul coreanas. E se estou reclamando? De jeito nenhum. O roteiro pode até ser mais do mesmo, ter alguns buracos e coisas absurdas, mas justamente pela junção de tudo isso, claro que bem feito, é que o drama é uma delícia de acompanhar.

O drama já começa apresentando um dos clichês mais usados nos últimos dois anos nessa dramalândia, que é o romance entre secretária e chefe, ainda mais se o chefe é um durão, estúpido que vai amolecer aos poucos com a doce secretária. Acho que por esse motivo, os primeiros episódios de The Secret Life of My Secretary não me deixaram muito eufórica como a maioria das dorameiras. Porém a trama envolve os personagens em situações inusitadas que não só me chamaram a atenção, como me fizeram apaixonar pelo drama todinho, assim de repente.

Nos primeiros momentos, Do Min Ik (Kim Young Kwang), um dos diretores da T&T Mobile, aparenta ser o típico protagonista estúpido que trata a secretária de qualquer jeito. Ele é conhecido por trocar de secretária todo ano. O boato é que ele não suporta suas secretárias por um longo período e por isso não as efetiva, mas na verdade ele tem uma razão até convincente.

Por causa de um acidente, ele acaba com prosopagnosia, uma doença que impossibilita a pessoa de reconhecer rostos. – E este, é mais um dos clichês que está presente em dramas dos últimos anos, está quase virando  a nova amnésia traumática temporária.

A única pessoa que ele consegue reconhecer é sua secretária Jung Gal Hee (Jin Ki Joo), e somente quando ela está usando seu famoso cardigã vermelho. – Sim, essa é uma das coisas mais sem noção, mas a gente aceita por conta do romance fofo que virá por causa disso.

Jun Gal Hee aproveita a situação para fazer um acordo com seu chefe: ela fica para ajudá-lo a reconhecer as pessoas e continuar seu trabalho, em troca ele a efetiva, dá suas horas de almoço e seu horário de trabalho sem horas extras e tarefas que não fazem parte do seu trabalho de secretária. É a partir daí que ele começa a mudar seu comportamento, já que agora deve tratá-la como ser humana, finalmente.

“Eu sinto que ainda vou ouvir a voz dela se eu for surdo e vou reconhecê-la mesmo que eu fique cego.” – Do Min Ik

Confesso que essa temática me incomodava um pouco nos primeiros episódios. Fica subentendido que as atitudes do Do Min Ik antes eram por não querer confiar em alguém, por seu incidente traumático e que no fundo ele é uma boa pessoa. Graças! Isso não dura muito. Então vou fingir que nem aconteceu, até porque ele poderia ter sido um personagem “menos idiota”  desde o começo que não faria muita diferença, porque esse é quem ele é. Apesar de vir de uma família de cobras, e viver no meio de cobras também na empresa, ele não tem esse tipo de caráter também. E fui surpreendida várias vezes ao longo dos episódios como esse moço é sentimental.

Enquanto isso Jung Gal Hee é uma protagonista muito fofa, adorava as expressões dela, até mesmo as de raiva do chefe. ♥ Ela é muito lindinha. Ela tem uma família que precisa cuidar, já que sua mãe morreu cedo, seu irmão é cego e sua irmã é uma estudante. Apesar do drama não ter muita profundidade, acredito que a Jung Gal Hee cresceu muito na trama. Há tantos mal entendidos e “segredinhos” que parecem inofensivos mas acabam machucando pessoas, e isso trouxe aprendizado para muitos personagens, não somente os protagonistas.

Bom, até aí eu estava assistindo como mais um drama qualquer. O que começou a me prender mesmo foi quando o problema principal da trama chegou. Do Min Ik precisa ir a um encontro arranjado pela sua família que insiste que ele precisa se casar. A moça é nada mais nada menos que Veronica Park (Kim Jae Kyung), empresária, dona de uma rede de cinemas assim como de vários empreendimentos.

Mas Veronica se interessou por outro homem logo no dia do primeiro encontro com Do Min Ik, e pede para que a Jung Gal Hee o avise de que ela não poderá comparecer. E Gal Hee, numa situação em que ela queria experimentar como seria ter um encontro daquele nível com seu chefe, e sabendo que ele não pode reconhecer ela, acaba se passando por Veronica Park, e essa “única vez” vai desencadear uma paixonite dele por uma Veronica Park falsa, e uma série de situações cômicas, complexas, tristes e uma confusão enorme!

Claramente é de estranhar que o Do Min Ik não a reconheça mesmo se passando por Veronica, porque mesmo ela tentando disfarçar, a voz não muda e há sempre uma dica que ela deixa escapar. Tadinho do Do Min Ik, hahaha. Ta aí mais uma coisa sem noção desse drama, tudo bem ele não reconhecer rostos, mas às vezes, estava tão na cara!

Eu pensei em inúmeras formas dele descobrir e como isso causaria dano à todos. Fica aflita pensando como ele reagiria, mesmo que a Gal Hee não tenha feito por maldade. Mas ainda assim foi uma mentira gigantesca. Pensei em tantas teorias em que ninguém saísse machucado dessa história, mas o drama não quis colaborar não.

Em todo o caso, mesmo sabendo que podia doer no final, eu era como Gal Hee, estava dividida entre “isso é uma mentira, preciso me livrar disso o quanto antes” e “mas é tudo tão mágico, e ele vai se machucar, mas é tão lindo…help!”. Vontade de gritar ACORDA homem! É a mesma mulher!

Agora sobre a real Veronica Park, só preciso dizer que essa mulher é muito rainha e roubou o drama pra ela. As frases mais icônicas, os memes… tudo vem dela. Essa personagem tinha tudo para ser aquela secundária que poderíamos odiar com todo o coração e não suportar nem a voz mais, mas acredito que o belo desenvolvimento dela e também a atuação da atriz deixou tudo infinitamente melhor. Ela é escandalosa e exagerada, é linda, rica, dona do cinema na Coreia, e também conhecida como “devoradora de homens”, como não amar essa mulher?

“Veronica Park speaking…”

Sabe aquele moço por quem eu disse que Veronica Park se interessou e por isso abandonou Do Min Ik no primeiro encontro? Então, ele é Ki Dae Joo (Koo Ja Sung), amigo do Do Min Ik desde a infância, e trabalha na mesma empresa, mas eles são o oposto um do outro. Ki Dae Joo é humilde e é uma ótima pessoa.

Veronica Park e Ki Dae Joo (ou sr. Castidade, como ela o chama) formam um dos melhores casais secundários da vida. Eu já estava com saudades de dramas com casais secundários que roubassem a atenção de vez em quando, e esses dois estão aqui pra isso. ♥

Mas nosso casal protagonista também é igualmente fofo. Seja com Do Min Ik pensando que a Gal Hee era Veronica Park ou não, eles são extremamente adoráveis juntinhos. E isso, principalmente porque ela é uma fofa por natureza, né? E Do Min Ik apaixonado e soltando sorrisinhos por aí era tão adorável! Que vontade de apertar os casais desse drama. ❤😍

“Não pense em para quem seu coração está indo, mas pense em como era seu coração no começo.”


Gifs por Trending Kdrama e It’s Drama O’clock.

 

Não, o drama não fica só no romance. Há alguns plots envolvendo a empresa, corrupção, busca pelo poder e dinheiro. Há alguns pequenos suspenses, mas tudo muito leve, afinal é uma comédia romântica mesmo. No entanto, esses plots mais sérios eram interessantes e não tomavam muito tempo com cenas desnecessárias. Só dá raiva, como sempre, daqueles caras clichês que querem tomar a presidência da empresa, acusar o mocinho por motivos banais e até por sua doença e etc. Como já falei era um ninho de cobras querendo derrubar Do Min Ik, e os acontecimentos eram mais do mesmo, sem muito de especial. Me recuso colocar aqui imagens dos antagonistas por motivos de: não fizeram diferença na minha vida. 🙂

Outros personagens envolvendo a empresa eram cômicos, como o grupo formado pelas secretárias, elas eram hilárias. E a família da Gal Hee, como já comentei antes também nos dão o ar da graça com boas cenas de comédia.

 

Ah! Além de romance, outra coisa muito fofa que eu nem esperava que acontecesse é a amizade Jung Gal Hee e Veronica Park. Elas se conhecem há um tempo já que Gal Hee era secretária da Veronica, mas agora elas formam uma parceria tão natural que foi ganhando cada vez mais espaço na trama e roubou meu coração. ♥

 

Enfim, The Secret Life Of My Secretary é um drama bonitinho, fofo e com clichês saudáveis para ver quando a vida pede algo docinho.

E desculpe pela quantidade de gifs nesse post. Mas quando o drama é bonitinho assim, eu não resisto.

 

Vou deixa a música da OST desse drama que eu amo. É do Sandeul do B1A4. Esse é um fanmade video, pode conter spoilers. 

 

 

Onde Assistir?

Tem The Secret Life Of My Secretary legendado no Kingdom Fansubs.

 

 

 

Até logo,

Beijos, Mari.

Compartilhe ♥

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *